Solos do Brasil: Chernossolos

Chernossolo Argilúvico (SiBCS, 2018)

Do russo "cher", negro; conotativo dos solos ricos em matéria orgânica e coloração escura.

Os chernossolos distribuem-se em aproximadamente 0,5% do território brasileiro, com uma pequena ocorrência no Sul e Nordeste e em algumas áreas do Centro-Oeste. Caracterizam-se por seus horizontes relativamente espessos, duros e nas camadas mais superficiais apresentam uma coloração escura que se dilui conforme avançam nas camadas.

Os chernossolos têm seu material de origem rico em cálcio e magnésio, formando um solo com altos teores de argila, cálcio, magnésio e carbonato de cálcio em sua composição. Devido à presença desses minerais e matéria orgânica que servem de nutrientes para as plantas, os chernossolos são solos muito férteis e recomendados para o cultivo.

Apesar de serem solos apropriados para o uso agrícola, os chernossolos devem ser preservados com um manejo sustentável, visto que sua área de ocorrência é pequena quando comparada ao território brasileiro.

Santana, M.P.X.; Pusceddu, L.; Azarias, V. (2021) Solos do Brasil: Chernossolos.

Créditos detalhados

Autores:

Marcos de Paula Xavier de Santana

Victoria Azarias

Coordenação:

Luca Hermes Pusceddu - lhp@ib.usp.br